Colesterol alto: quais exercícios ajudam a abaixar as taxas?

Categoria:
15 de outubro de 2021
O colesterol alto é um problema que afeta cerca de 18,4 milhões de pessoas só no Brasil e, quando não tratado devidamente, pode causar uma série de problemas, como as doenças cardiovasculares, hipertensão arterial, AVCs, etc. Portanto, a melhor coisa é prevenir e, para isso, a prática de atividades físicas é essencial. Leia e saiba tudo sobre como evitar o colesterol alto! Antes de tudo, o que é colesterol alto? O colesterol, em si, quando em quantidades ideais, é muito benéfico para o corpo, sendo um componente estrutural das membranas celulares e estando presente em diversos órgãos, como coração, fígado, cérebro, músculos, nervos, intestinos e pele. É utilizado pelo corpo humano para a produção de alguns hormônios, como a vitamina D, estrógeno, testosterona, cortisol e alguns ácidos biliares que ajudam na digestão das gorduras. A sua produção se dá por 70% do próprio organismo (no fígado) e outros 30% provenientes dos alimentos. Portanto, caso você não mantenha uma alimentação saudável, ingerindo muita gordura, o seu fígado pode acabar produzindo mais do que o necessário, causando o colesterol alto. Essa condição é prejudicial ao corpo, já que, como o colesterol circula no sangue, à medida que a sua quantidade aumenta, pode começar a entupir as artérias e provocar diversas doenças. O que causa colesterol alto? As causas para a formação do colesterol alto dependem da genética, da alimentação, da prática de exercícios físicos e, como dito anteriormente, do estilo de vida que o indivíduo leva. Confira os principais fatores de risco: 1- Histórico familiar Possuir algum parente com histórico de colesterol alto é um dos principais fatores de risco para a sua ocorrência, sendo necessário tomar atitudes desde criança para evitar que esse problema ocorra no futuro. 2- Fumar Como o tabagismo prejudica as paredes das artérias, ele as torna mais suscetível ao acúmulo do colesterol LDL alto. 3- Alimentação Quem possui uma alimentação rica em gorduras, tanto saturada quanto trans, e açúcares, possuem um maior risco de sofrerem com colesterol alto. 4- Obesidade e não praticar atividades físicas Pessoas obesas e que não praticam atividades físicas são as mais suscetíveis a sofrer com o colesterol alto. Além desses, existem outros fatores como o uso exacerbado de bebidas alcoólicas, cirrose, hipotireoidismo ou hipertireoidismo, insuficiência renal e uso de anabolizantes, que também podem levar a ocorrência do colesterol alto e, consequentemente, todos os problemas e doenças acarretados por essa condição. Quais os sintomas de colesterol alto? Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não existem sintomas do colesterol alto, portanto, a única maneira de saber que sofre do problema é com exames de sangue. A pessoa pode sentir dor no peito, falta de ar ou até algumas palpitações, mas isso pode estar mais relacionado com as doenças causadas por ele. Colesterol alto: qual a importância das atividades físicas? Praticar exercícios físicos é essencial para o controle do colesterol no sangue, diminuindo os níveis do colesterol ruim e aumentando o colesterol bom, responsável pela produção dos hormônios citados anteriormente. Isso acontece porque, ao se movimentar, o corpo estimula a produção da lipase, enzima responsável por impedir o acúmulo de gorduras nas paredes arteriais. Colesterol alto: quais são os melhores exercícios para diminuir os seus níveis? Agora que você já sabe como funciona e sabe o que é bom para colesterol alto, é hora de descobrir quais as melhores atividades físicas para provocar a diminuição nos seus níveis. Confira: 1- Natação e hidroginástica Se você, além de ter colesterol alto, também está acima do peso, essas duas opções podem ser as melhores para você. Além de diminuir os níveis do colesterol e ajudar no emagrecimento, a natação e a hidroginástica promovem uma série de benefícios, como o aprimoramento do sistema respiratório e o fortalecimento das articulações e aumento da queima calórica por exemplo. 2- Caminhada A facilidade para praticar essa atividade física é, sem dúvida nenhuma, a sua principal vantagem. Caminhe na rua por, pelo menos, quatro vezes na semana (ACSM recomenda 150 minutos de atividade por semana) ou visite uma academia para fazer esteira e você verá como os seus níveis de colesterol diminuirão! 3- Spinning A aula de spinning é uma atividade aeróbica que simula o ciclismo indoor em altas intensidades. Aqui na Cia Athletica, é um dos exercícios que tem procura para quem deseja diminuir o colesterol, já que seus efeitos são mais rápidos e promovem outros inúmeros benefícios para o corpo humano. 4- Musculação A musculação é uma das atividades físicas mais praticadas no mundo e também é uma das mais recomendadas para quem deseja controlar o colesterol alto. Além disso, é excelente para quem também deseja tonificar o corpo e melhorar o condicionamento físico. 5- Treinamento funcional Quem deseja diminuir o colesterol alto, também pode tentar praticar treinamento funcional. Com os seus múltiplos exercícios e foco no emagrecimento, uma rotina de treino funcional consegue acelerar a produção de lípases no seu organismo e evitar o acúmulo de gordura nas artérias de forma muito rápida. Está esperando o que? Comece agora mesmo a praticar atividades físicas! E aí, vamos começar a controlar esse colesterol? Aqui na Companhia Athletica, você encontra as melhores atividades físicas para melhorar o colesterol do seu corpo, todas com acompanhamento profissional de qualidade para continuar te incentivando a alcançar o seu objetivo! Agende agora mesmo uma aula experimental.

O colesterol alto é um problema que afeta cerca de 18,4 milhões de pessoas só no Brasil e, quando não tratado devidamente, pode causar uma série de problemas, como as doenças cardiovasculares, hipertensão arterial, AVCs, etc.

Portanto, a melhor coisa é prevenir e, para isso, a prática de atividades físicas é essencial.

Leia e saiba tudo sobre como evitar esse problema de saúde!

Antes de tudo, o que é colesterol alto?

O colesterol, em si, quando em quantidades ideais, é muito benéfico para o corpo, sendo um componente estrutural das membranas celulares e estando presente em diversos órgãos, como coração, fígado, cérebro, músculos, nervos, intestinos e pele. É utilizado pelo corpo humano para a produção de alguns hormônios, como a vitamina D, estrógeno, testosterona, cortisol e alguns ácidos biliares que ajudam na digestão das gorduras.

A sua produção se dá por 70% do próprio organismo (no fígado) e outros 30% provenientes dos alimentos. Portanto, caso você não mantenha uma alimentação saudável, ingerindo muita gordura, o seu fígado pode acabar produzindo mais do que o necessário, causando a alta do colesterol.

Essa condição é prejudicial ao corpo, já que, como o colesterol circula no sangue, à medida que a sua quantidade aumenta, pode começar a entupir as artérias e provocar diversas doenças.

O que causa colesterol alto?

As causas para a apresentar esse problema dependem da genética, da alimentação, da prática de exercícios físicos e, como dito anteriormente, do estilo de vida que o indivíduo leva. Confira os principais fatores de risco:

1-      Histórico familiar

Possuir algum parente com histórico de colesterol alto é um dos principais fatores de risco para a sua ocorrência, sendo necessário tomar atitudes desde criança para evitar que esse problema ocorra no futuro.

2-      Fumar

Como o tabagismo prejudica as paredes das artérias, ele as torna mais suscetível ao acúmulo do colesterol LDL alto.

3-      Alimentação

Quem possui uma alimentação rica em gorduras, tanto saturada quanto trans, e açúcares, possuem um maior risco de sofrerem com a alta do lipídio.

4-      Obesidade e não praticar atividades físicas

Pessoas obesas e que não praticam atividades físicas são as mais suscetíveis a sofrer com o desequilíbrio do colesterol.

Além desses, existem outros fatores como o uso exacerbado de bebidas alcoólicas, cirrose, hipotireoidismo ou hipertireoidismo, insuficiência renal e uso de anabolizantes, que também podem levar a essa ocorrência e, consequentemente, todos os problemas e doenças acarretados por essa condição.

Quais os sintomas de colesterol alto?

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não existem sintomas, portanto, a única maneira de saber que sofre do problema é com exames de sangue. A pessoa pode sentir dor no peito, falta de ar ou até algumas palpitações, mas isso pode estar mais relacionado com as doenças causadas por ele.

Colesterol alto: qual a importância das atividades físicas?

Praticar exercícios físicos é essencial para o controle do colesterol no sangue, diminuindo os níveis do colesterol ruim e aumentando o colesterol bom, responsável pela produção dos hormônios citados anteriormente.

Isso acontece porque, ao se movimentar, o corpo estimula a produção da lipase, enzima responsável por impedir o acúmulo de gorduras nas paredes arteriais.

Colesterol alto: quais são os melhores exercícios para diminuir os seus níveis?

Agora que você já sabe como funciona e sabe o que é bom para colesterol, é hora de descobrir quais as melhores atividades físicas para provocar a diminuição nos seus níveis. Confira:

1-      Natação e hidroginástica

Se você, além de não estar com o colesterol controlado, também está acima do peso, essas duas opções podem ser as melhores para você. Além de diminuir os níveis do colesterol e ajudar no emagrecimento, a natação e a hidroginástica promovem uma série de benefícios, como o aprimoramento do sistema respiratório e o fortalecimento das articulações e aumento da queima calórica por exemplo.

2-      Caminhada

A facilidade para praticar essa atividade física é, sem dúvida nenhuma, a sua principal vantagem. Caminhe na rua por, pelo menos, quatro vezes na semana (ACSM recomenda 150 minutos de atividade por semana) ou visite uma academia para fazer esteira e você verá como os seus níveis de colesterol diminuirão!

3-      Spinning

A aula de spinning é uma atividade aeróbica que simula o ciclismo indoor em altas intensidades. Aqui na Cia Athletica, é um dos exercícios que tem procura para quem deseja reduzir o colesterol, já que seus efeitos são mais rápidos e promovem outros inúmeros benefícios para o corpo humano.

4-      Musculação

A musculação é uma das atividades físicas mais praticadas no mundo e também é uma das mais recomendadas para quem deseja controlar o colesterol. Além disso, é excelente para quem também deseja tonificar o corpo e melhorar o condicionamento físico.

5-      Treinamento funcional

Quem deseja diminuir os índices do colesterol, também pode tentar praticar treinamento funcional. Com os seus múltiplos exercícios e foco no emagrecimento, uma rotina de treino funcional consegue acelerar a produção de lípases no seu organismo e evitar o acúmulo de gordura nas artérias de forma muito rápida.

Está esperando o que? Comece agora mesmo a praticar atividades físicas!

E aí, vamos começar a controlar esse colesterol? Aqui na Companhia Athletica, você encontra as melhores atividades físicas para melhorar o colesterol do seu corpo, todas com acompanhamento profissional de qualidade para continuar te incentivando a alcançar o seu objetivo!

Agende agora mesmo uma aula experimental.

Vídeo gravado antes do isolamento social

Conheça mais modalidades da Cia:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhar: 

Leia também:

magnifiercrosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram